A DESAPROPRIAÇÃO CULTURAL DA INFLUÊNCIA INGLESA, REFLETIDA NAS TRANSFORMAÇÕES DA PAISAGEM URBANA DA SEDE DO MUNICÍPIO DE NOVA LIMA-MG.

MARIA MANOELA GIMMLER NETTO, NATÁLIA A. MONTEIRO SILVA, RUBENS DO AMARAL, ANGÉLICA MIRANDA RODRIGUES, STAEL DE ALVARENGA PEREIRA COSTA

Resumo


O presente artigo, fruto da experiência adquirida em disciplina de mestrado da UFMG, pretende investigar o fenômeno da “desapropriação cultural” da influencia inglesa, refletido nas transformações da paisagem urbana na sede do município de Nova Lima. A influencia inglesa, introduzida pela implantação de uma companhia mineradora, produziu tipologias urbanas e arquitetônicas que refletiam a hierarquia social de seus trabalhadores. Dessa forma, iniciando com a exploração do ouro e avançando até a contemporaneidade, foram delineados cinco períodos morfológicos, que caracterizam as transformações marcantes nas relações sociais e de seus reflexos na paisagem urbana. São as relações entre a cultura brasileira e a inglesa que pretendemos compreender, observando o intercambio cultural que se inicia com o contato, evolui a influencia, transformando-se em conflito e finalmente, no que se denominou desapropriação cultural. Esta sendo a falta de identificação e de pertencimento para com a influência inglesa industrial que ocasionou a perda das tipologias construtivas, praticamente despercebidas na paisagem urbana contemporânea.


Referências


BARACHO, Maria Amarante Pastor. Patrimônio Cultural: a experiência mineira da lei Robin Hood. 2003. Disponível em: . Acesso em: 12 set. 2012.

BURTON, Richard Francis. Viagem do Rio de Janeiro a Morro Velho. São Paulo: Editora Itatiaia; São Paulo: Editora da Universidade de São Paulo, 1976.

BRANDÃO, Carlos Rodrigues. Comunidades interpretativas. In: MINISTÉRIO DO MEIO AMBIENTE - MMA (Org.). Encontros e caminhos: formação de educadoras(es) ambientais e coletivos educadores. Brasília: MMA, 2005. p. 93-102.

CAETANO, André Junqueira; RIGOTTI, José Irineu Rangel. Dinâmica e crescimento demográfico da RMBH – 1960/2000. In: Metrópole: Território, sociedade e política – O caso da Região Metropolitana de Belo Horizonte. Belo Horizonte: PUC Minas 2008. p 21-43.

CASTRIOTA, Leonardo Barci. Patrimônio Cultural: conceitos, políticas, instrumentos. São Paulo: Annablume; Belo Horizonte: IEDS, 2009.

COURCY, V. E. Seis semanas nas minas de ouro do Brasil. Belo Horizonte: Fundação João Pinheiro, 1997.

DA MATA, Daniel; LALL, Somik V.; WANG, Hyoung Gun. Favelas e dinâmica das cidades brasileiras. 2006. Disponível em: . Acesso em: 12 set. 2012.

GENNARI, Emílio. Sindicato e organização de base: história, dilemas e desafios. São Paulo: Editora CPV, 2008. Disponível em: . Acesso em: 31 ago. 2012.

GROSSI, Yonne de Souza. Mina de Morro Velho: a extração do homem. Rio de Janeiro: Editora Paz e Terra, 1981.

GUERRA dos Emboabas. Disponível em: . Acesso em: 03 set. 2012.

LYNCH, Kevin. A boa forma da cidade. Lisboa: Editora Edições 70, 2007.

MINERAÇÃO Morro Velho Ltda. Morro Velho – História, fatos e feitos. Nova Lima,1995.

PEREIRA COSTA, Stael de Alvarenga. A morfologia urbana das cidades sul-metropolitanas de Belo Horizonte do ciclo do ouro. 3º Trabalho Programado para Tese de Doutorado, São Paulo: FAU USP, 2002. In: . Transformações, conflitos, perdas e permanências na paisagem sul-metropolitana de Belo Horizonte. Tese de Doutorado, São Paulo: FAU USP, 2004.

SÁ, Laís Mourão. Pertencimento. In: MINISTÉRIO DO MEIO AMBIENTE - MMA (Org.). Encontros e caminhos: formação de educadoras(es) ambientais e coletivos educadores. Brasília: MMA, 2005. p. 245-266.

SCHLEE, M. B. et al. Sistema de espaços livres nas cidades brasileiras: um debate conceitual. In: Sistema de espaços livres: o cotidiano, apropriações e ausências. Rio de Janeiro, 2009. p. 28-49.

SOUSA, José Rodrigues de. As minas de ouro de Morro Velho. Belo Horizonte: [s.n.], 1999. (publicação independente)

WEBER, Max. Economia e sociedade: fundamentos da sociologia compreensiva. Brasília, v.2, 2004. Disponível em: . Acesso em: 21 ago. 2012.

VILLELA, Bráulio Carsalade. Conheça a cidade: História. Prefeitura de Nova Lima. Disponível em: . Acesso em: 31 ago. 2012.


Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.